quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Entremet







Uma maneira de comer mousses diferente.

Era para participar no desafio do blog Anasbageri mas não fiz a parte do Genoise, (podem ver o desfio aqui) então fiquei-me pelas mousses, e as que escolhi foram groselha, natas e fiz pudim de morango.

Mas vou ser sincera a escolha do pudim não foi a melhor, nesta receita temos de congelar para que a glaçagem ou o espelho fique perfeito e pudim e congelador, não combinam, para a próxima, sim vai haver próxima vou fazer outra mousse talvez de morango.

Mas há hora do jantar como ficou só no frio o dia todos, já estava bem melhor já se conseguia distinguir os sabores, talvez se tivesse feito um curd, ou colocado um doce, ficaria melhor sem duvida e com o bolo na parte de baixo seria de bradar aos céus, mas é assim que vamos aprendendo certo?

Bom cá vai a receita:

Para Mousse de groselha e mousse natas

400 ml Natas (usei vegetais, ficou bem mais fofo)
2 Dl Leite condensado
1 C. Sobremesa de gelatina neutra
1/2 Dl Xarope de groselha

Modo de preparação:

Hidratar a gelatina em água

Bater as natas um pouco, juntar o leite condensado sempre a bater.

Retirar 3 c. Sopa deste preparado e levar ao microondas para derreter a gelatina sem deixar ferver.

Juntar a gelatina ao preparado de natas sempre a bater, fica com aspecto de mousse.

Dividir em dois (coloquei um pouco menos de metade no que fiz de groselha)

Numa das partes colocar a groselha e mexer bem até ficar homogéneo.

Colocar o de groselha numa caixa mais pequena que a forma final, e levar ao congelador até estar congelado.

As natas deixei a temperatura ambiente reservadas, apesar de quando fui usar já estarem a solidificar bati novamente com a batedeira e ficaram boas.

Fiz um Pudim Boca Doce de Morango conforme as instruções da embalagem, coloquei numa caixa do mesmo tamanho da de groselha e levar ao congelador para congelar.

Foi aqui que falhei porque todas as partes têm de ir ao congelador por causa do espelho e pudim congelado não presta mesmo (pelo menos este), mas experimentem um curd, outra mousse, mesmo uma geleia ou doce de certeza que ficará bem melhor.

Assim que estiver congelado, colocar uma parte da mousse de natas numa caixa um pouco maior (era para usar as de gelado mas não coube foi mesmo uma caixa de plástico qualquer desde que dê para levar ao congelador e depois seja fácil retirar, aconselho a passarem por água as caixas antes de colocar as mousses, para ser mais fácil de sair sem que descongelem) que as outras, depois colocar as outras no meio da caixa e deitar a restante mousse de natas para cobrir tudo, levar ao congelador até estar congelado (aqui deixei de um dia para o outro).

Para o espelho ou Glaçagem:

10 Grs Gelatina em pó neutra
120 Ml água
150 Gr Xarope de glucose
150 Grs açúcar
75 ml Água
100 Ml Leite Condensado
150 Grs de chocolate Branco (no meu caso usei um chocolate rosa que tem um ligeiro sabor a morango, porque o corante que usei era vermelho logo ficava bem e deu um toque um pouco diferente)

Modo de preparação:

Hidratar a gelatina em 120 ml de água, reservar.
Levar ao lume a glucose, o açúcar e 75 ml água até ferver, juntar o leite condensado e deixar mais uns minutos para ficar bem ligado, apagar o lume, juntar a gelatina mexer até esta estar derretida, juntar o chocolate partido em pedaços (o meu eram discos), mexer até estar tudo derretido, juntar o corante a gosto e bater com a varinha mágica para não ficar com ar.

Deixar arrefecer até uma temperatura de 32º a 35º, (esta é a parte mais importante da coisa, aqui é que eu falho sempre, coloco a glaçagem um pouco quente demais e depois o gelado derrete e escorre muito depressa e não fica nada de jeito, mas é a errar que lá chegamos, e neste blog que mencionei também descobri que o que sobra pode ir para o frio durante uns dias e depois para outro uso é só voltar a aquecer, ora, esta eu não sabia e o que sobrava comíamos á colher para não estragar e não sabia que dava para aquecer, sempre tive medo de deixar arrefecer demais e ficar muito espesso por isso das três vezes que fiz não ficaram bem cobertos porque coloquei ainda quente.) quem não tem termómetro é quando estiver morno ao toque como o leite dos bebés.

Retirar do congelador o entremet e colocar em cima de uma rede ou em cima de um copo e no local de trabalho colocar película aderente para poder aproveitar o resto que escorre da glaçagem, deitar a glaçagem em cima, ela escorre sozinha.

Enfeitar conforme desejarem e colocar no frio, não precisa ir ao congelador as mousses ficam estáveis no frio, não derrete.

Espero que gostem e se inspirem.

Bom proveito


Aqui estou eu a dar uso ao termómetro que a Telma me deu, mas nem assim aqui a apressada não deixou chegar à temperatura ideal







5 comentários:

  1. Caramba que eu era capaz de jurar que tinha visto o bolo na base da fatia ;) Mas olha que mesmo não tendo todos os requisitos pretendidos, está com óptimo aspecto e quanto à glaçagem, bem melhor que a minha sem dúvida. No meu caso foi ver a escorrer e não parar de escorrer. Mas não desisto de ter um bolo espelho perfeito e qualquer dia volto a aventurar-me ;)

    ResponderEliminar
  2. Têm muito trabalho mas deve valer a pena!!!
    Uma delícia.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  3. Que maravilha,....
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  4. Mesmo sem um elemento ficou uma sobremesa muito gourmet e apetitosa :)

    ResponderEliminar

Estejam á vontade para dar sugestões, ideias e criticas construtivas, estou aqui para tirar duvidas e ajudar sempre que possivel.
cozinhaanita@gmail.com